old little fox

Saturday, March 22, 2014

plenitude v


Aceitei. Aceitei que amar não é para todos, muito menos quando se quer e quem se escolhe. E foi simples aceitá-lo. Sentia-me vazia, as ligações físicas não são o suficiente para satisfazer uma alma magoada. Aceitei, foi simples. Fiz-me a mim. Dei outro passo em frente, deixei pessoas para trás e dei-me a mim uma oportunidade e não a uma pessoa qualquer.
Meti na cabeça que primeiro teria de encontrar felicidade comigo própria, devia de encontrar paz em tudo o que passou para puder seguir em frente sem voltar a olhar para trás.

No comments:

Post a Comment