old little fox

Monday, September 5, 2011


Ainda não me apercebi de que maneira encaro a vida, ou até mesmo a razão de existirmos.
Apenas sei que se fosse não o destino, Deus, acontecimentos ao acaso, sorte ou azar, eu teria entregue a minha vida inteira para amar alguém e para o fazer feliz, servindo-o, não me importando com o meu bem estar, tal como fiz durante um ano e três meses.
Agora que isto tudo mudou e as circunstâncias são diferentes eu exigo que se preocupem igual comigo.
Sou uma pessoa cheia de carências, e nunca satisfeita com o tenho, porém ignoro esse desconforto até rebentar, tal como aconteceu agora.
Tenho um namorado lindo que amo, e que não quero trocar por nada deste mundo. És a minha prioridade em tudo, só peço que retribuas igual.
Amo-te, tenho saudades de dizê-lo.

No comments:

Post a Comment